Jorge Nasser explica qual foi o impacto da pandemia no setor de previdência privada

O presidente da Bradesco Vida e Previdência, Jorge Nasser, concedeu, na última semana, uma entrevista à revista IstoÉ Dinheiro, na qual falou sobre o impacto da pandemia no setor de previdência privada. Segundo o executivo, as dificuldades dos últimos tempos têm servido como um aprendizado para a população, que tem buscado proteção.

“Esse mercado é bastante cíclico, ele cresce nos momentos de prosperidade e o crescimento desacelera quando a economia perde o ritmo. Mesmo assim, se olharmos um pouco à frente, percebemos que esse mercado tem muito a crescer ainda.

A previdência privada é uma necessidade das famílias. As dificuldades dos últimos tempos têm servido como um aprendizado para a população, que tem buscado proteção.

E ainda não atingimos a base da pirâmide. Temos muito espaço para crescer”, comentou. Perguntado sobre os motivos, Nasser lembrou que a sociedade passou e continua passando por mudanças profundas. “Uma delas é a demografia.

As pessoas estão vivendo bem mais e a expectativa de vida do brasileiro não para de subir. Outra mudança é nas relações de trabalho.

Relação de emprego formal mudou muito. Isso abre espaço para a previdência privada, seja para montar uma reserva patrimonial, seja pensando no planejamento sucessório”, disse. O presidente da Bradesco Vida e Previdência destacou ainda que os clientes agora têm mais entendimento sobre as aplicações financeiras e estão procurando investimentos mais rentáveis.

“A exposição ao risco aumentou, o horizonte de investimentos está mais diversificado. O investidor notou que a previdência social não é a única resposta para a aposentadoria. Quem não colocar recursos na previdência privada está perdendo incentivos fiscais”, afirmou.

Confira a entrevista completa em https://www.istoedinheiro.com.br/jorge-nasser-presidente-da-bradesco-vida-e-previdencia/.

Fonte: CQCS