Reparo de sistema de assistência de estacionamento

Saiba quais as possibilidades para a oficina trabalhar no reparo do chamado “parking assist”.

Esse sistema utiliza radares e sensores de curta e média distância que auxiliam a leitura de obstáculos próximos. Esses dispositivos ficam nos para-choques dianteiros, traseiros e muitas vezes nos retrovisores, sendo auxiliados no mínimo por quatro câmeras, localizadas na parte dianteira de para-choques e em grades, na tampa ou no para-choque traseiro, e também nos retrovisores externos. As quatro câmeras, quando integradas, proporcionam uma visão panorâmica, 360 graus, que o motorista pode acompanhar pela central multimídia do carro.

No reparo de sensores e radares de curto alcance, quando o veículo permaneceu com suas características estruturais originais intactas, o ajuste necessário é apenas a substituição, colocando o equipamento no alojamento original do componente e conectando-o normalmente, com análise de diagnóstico.

No caso de substituição por falha ou defeito, além da troca física, é preciso apagar os erros identificados pelo equipamento de diagnóstico e verificar se a funcionalidade está corrigida.

Para qualquer tipo de reparação do sistema ADAS, uma vez que todos os componentes trabalham de forma integrada, é sempre necessário calibrar o sistema, sendo obrigatório seguir as recomendações do fabricante. Mesmo uma remoção simples de para-choque exige a calibração dos componentes.