Seguro de proteção a aluguéis cresce na pandemia

Lauro Jardim registra no Globo Online que o seguro de fiança locatícia, usado para cobrir aluguéis, tanto por proprietários quanto por locatários, apresentou crescimento nominal de 72,3% no acumulado do ano até outubro, de acordo com dados inéditos da Susep.

O volume de receitas neste ramo no período foi de R$ 722 milhões, contra R$ 419 milhões em 2019. Comparado com outubro de 2019, o crescimento nominal foi de 110%.

Fonte: Sindseg-SP