Acidente em São Paulo: Seguro DPVAT estima indenizações superiores a R$550 mil para vítimas e beneficiários

Benefício social gratuito, que ampara todos os brasileiros em caso de acidente de trânsito, o Seguro DPVAT prevê pagamentos superiores a R$ 550 mil para vítimas e beneficiários do acidente ocorrido entre um ônibus e um caminhão na última quarta-feira (25), no estado de São Paulo.

Com o objetivo de amparar as famílias acometidas pela tragédia, a Seguradora Líder iniciou um contato proativo com vítimas e familiares para a entrada no Seguro. A colisão deixou 41 mortos e 12 feridos.

De amplo caráter social, o Seguro DPVAT indeniza não apenas motoristas, mas também passageiros e pedestres envolvidos em acidente com veículos ocorrido em ruas, estradas ou rodovias do país. Sem apuração de culpa. E, ainda que o motorista envolvido esteja inadimplente, pedestres e passageiros continuam tendo o direito às indenizações.

Criado em 1974, o Seguro DPVAT é um direito dos mais de 211 milhões de brasileiros, previsto em lei, e que vem sofrendo profundas modificações ao longo dos últimos anos. Na última semana, durante Assembleia realizada no dia 24, terça-feira, foi decidida a dissolução do Consórcio, o qual geria o Seguro há 13 anos e ainda não foi anunciado como os acidentados de trânsito poderão recorrer o Seguro a partir de 01 de janeiro de 2021.

“Muitas vezes a indenização de R$ 13,5 mil equivale ao rendimento anual de uma vítima de trânsito. Por isso, é preciso achar uma solução para que a sociedade mantenha o benefício que conquistou”, argumentaram Leandro Martins Alves, Presidente do Conselho de Administração da Seguradora Líder, e Ismar Tôrres, Diretor-Presidente da Companhia, em entrevista ao blog Sonho Seguro.

A revista IstoÉ Dinheiro, na matéria “O fim da Líder Seguradora”, destacou que o DPVAT foi a solução encontrada para proteger os pedestres e passageiros dos condutores de veículos que, por informalidade ou falta de renda, não têm apólices de seguro. “Temos cerca de 70 milhões de veículos transitando pelo Brasil, sejam carros, caminhões, ônibus e motocicletas. Apenas 18 milhões de veículos têm algum tipo de seguro além do DPVAT”, apontou Ismar Tôrres em entrevista à revista.

Fonte: Seguradora Líder