Porto oferece desconto na contratação do seguro de equipamentos portáteis

Quem comprou um novo smartphone, tablet, câmera fotográfica ou computador e deseja adquirir uma apólice para proteger seu equipamento pode garantir o seguro com 10% de desconto.

A Porto Seguro oferece até o próximo domingo, 24 de maio, condições especiais para as contratações e renovações de seguros para equipamentos portáteis. A ação, que teve início na semana do Dia das Mães, é válida para todo o país e de acordo com Marcelo Santana, gerente de Ramos Elementares da companhia, essa é uma boa oportunidade tanto para clientes quanto para os corretores.

“Ainda que estejamos em um momento diferente, sabemos que o mês das mães conta com um aumento na compra de equipamentos como celulares, tablets e notebooks para presentes. Ter um seguro para esses itens é fundamental e essas condições especiais facilitam a aquisição de uma apólice por parte de clientes e pode ser um importante poder de argumentação por parte dos corretores”, destacou.

Quem garantiu um novo smartphone, tablet, câmera fotográfica, computador ou precisa renovar apólice de seu equipamento pode, até domingo, garantir o seguro com 10% de desconto. O produto para equipamentos portáteis da seguradora ainda contempla filmadoras e smartwacths.

Benefícios da contratação do seguro para equipamentos portáteis

Ao contratar o seguro, o consumidor passa a ter acesso ao serviço de Help Desk para resolver problemas com seu equipamento segurado. A assistência pode ser prestada por atendimento telefônico para todo o Brasil. Lembrando que a contratação do pacote de serviços é opcional e eles podem variar de acordo com o plano contratado e a região de abrangência.

O seguro também pode ser contratado para equipamentos alugados. Para contratar, é necessário que haja vínculo contratual entre o segurado e o locatário ou locador. Exclusivamente para equipamentos cinematográficos é oferecida a cobertura opcional para Perda ou Pagamento de Aluguel, que garante o pagamento do valor ou o reembolso em caso de sinistro.

Fonte: Revista Apólice