SFAM estreia nova marca de seguros em França

A Celside Insurance já opera em Portugal e em Espanha. A nova marca encarna a oferta internacional da seguradora SFAM suportando a distribuição numa rede com 2 500 parceiros.

ASFAM – Société Française d’Assurances Mobiles, companhia europeia de seguros para portáteis, multimédia e ótica, acaba de lançar a sua nova marca internacional no mercado francês. A Celside Insurance, especializada em smartphones, multimédia, ótica e dispositivos conectados já prepara a entrada em Itália e Alemanha para os próximos meses. A versão portuguesa do website da companhia afirma que também já opera na Bélgica e na Suíça. Portugal e Espanha fazem parte da internacionalização.

Sadri Fegaier, CEO da SFAM, afirmou: “A marca tem ambição de se tornar a referência em matéria de cobertura de seguros multimédia a nível mundial”. Diz a SFAM que em 2019, atingiu 740 milhões de euros de volume de negócios, incluindo 80 milhões de euros nos mercados europeus. A marca Celside Insurance “foi criada para incorporar a oferta internacional da SFAM”, complementou o presidente executivo.

O processo de intensificação na expansão vai permitir alargar aos consumidores de mais países as soluções de seguros contra todos os riscos sob a égide de uma marca única e internacional.

Apoiando-se na proposta “Viva os seus momentos”, a vocação da Celside é a proteção dos equipamentos “em quaisquer circunstâncias”, em qualquer país, com serviço personalizado e eficaz. Aliás, foi com esse objetivo que a SFAM lançou, em 2010, o primeiro seguro de equipamentos multimédia contra todos os riscos.

“Estamos convictos de que a atividade seguradora tradicional deve mudar. Segundo a nossa opinião, os contratos preveem geralmente demasiadas exclusões de cobertura. Na maior parte dos casos, não assumem a cobertura do sinistro de uma forma adequada”, assume uma mensagem da SFAM.

Em 2018, o grupo pagou cerca de 335 milhões de euros por uma participação de 11% na companhia de retalho especializado Fnac Darty, tornando-se a segunda maior acionista individual da companhia francesa de retalho eletrónico.

Fonte: ECO Seguros